sexta-feira, 18 de janeiro de 2008

Compras


-Alô Darcson?Tudo bem? Onde é que você está?

-Numa loja de eletroeletrônicos,vim trocar uma coisa e comprar outra...

-Legal, e o que você foi comprar?

-Uma coisa que ainda nao existe,eu achei que já tivessem inventado,mas acho que ainda nao.Mas com certeza ainda vai sair.Talvez em 2009.
Achei o máximo,sair pra comprar alguma coisa,que ainda nao existe,mas que você de antemao já idealizou e achou extremamente necessário.

É igual a comprar sapatos,já repararam? A gente quase nunca se dá por satisfeita com o que encontra na loja e simplesmente idealiza o sapato perfeito.

-Esse daqui está ótimo,mas nao tem um assim...igual a esse,mas com salto mais baixo o bico um pouco mais fino e de uma cor mais escura?


Porque a gente nao faz isso com calças ou camisetas? Normalmente a gente aceita o modelito que está na loja sem querer fazer grandes mudanças,a cor talvez,ou uma gola diferente. mas sapato nao,a gente tem a tendência de idealizar o sapato tooooodo.


Com bolsa também acontece. Quantas vezes deixei de comprar um modelo que eu até gostei mas como nao tinha uma um pouco menor,de cor diferente e com a alça um pouquinho mais assim ou assado acabei nao levando.


Mas é a primeira vez que eu vi alguém idealizar um aparelho eletrônico que ainda nao foi inventado.


E ele só estava procurando um gravador de DVD para a TV digital que fazianaoseioque,mas tudo bem ,ele disse que volta em 2009,porque até lá com certeza o tal "gravadordeDVDsuperhiperultradulper" já terá sido inventado.


Eu quero uma mulher robô que me limpe a casa todos os dias como se fosse eu mesma nao reclame e nao quebre nunca e que custe menos de 200 €.Dá pra ser?


10 comentários:

Scliar disse...

kkkk Eu tenho uma matéria que reproduz o que as pessoas, em 1950, achavam que teriam de eletrodomésticos em 2000... Muiiiito engraçada. Chegando em casa, vou escanear para te mandar(se eu achar, claro, na bagunça dos meus papéis - o mundo virtual não conseguiu acabar com a proliferação de recortes que tenho esparramados...)

SandraM disse...

É verdade, eu nunca acho o sapato que eu quero talvez porque ele realmente nao existe. Será que é por isso que compramos vários, talvez para "encher o buraco" que o desejado deixa? Se voce achar a mulher robo veja se tem uma irma prá mim?

darcson disse...

Pois é gente, eu ainda tenho esperancas, mas o negocio nao existe mesmo gravador de DVD com HD compativel com Tv digital e sinal de TV a cabo digital... esquece, e piro q a gente fica sem opcao pq o sinal de tv analogico (o normal q agnt conhece)vai acabar nazoropa em 2010. que q adianta compra um aparelho q so funciona até 2010??? mas essa estoria do sapato´,q engracado, é assim mesmo!!!

Beijao Carla!!!

Paula disse...

O dia que você encotnrar uma dessas Améliasrobôs pode comprar uma pra mim também que vou buscá-la aonde seja que você estiver e te reembolso tudinho na hora! Seria uma santa invenção!
Agora idealizar aparelho eletrônico... aiaiai fico com meus sapatos...

Sobre o Uri: que carinha mais sem graça não? Nem tenho paciência de ver o show.

Marcia H disse...

ele deveria mandar a idéia pra Phillips ou Samsung, quem sabe eles inventam e pagam um real pro Darcson
bjs

alex possato disse...

Oi, Carla! Tomei a liberdade de colocar um link do seu blog no meu blog "brasileiros no exterior". Seu texto é hilário e suas "aventuranças" pela Deutschland são bárbaras. Eu e minha esposa estamos na sua contramão - ela, alemã, veio morar no Brasil, e tamos aqui, nesta Sampa ainda caótica, mas menos feia, como você blogou! Achei também um sarro saber que o Uri Geller faz sucesso aí! Também sou do tempo da colherinha em frente ao Silvio Santos! ahahahah! Bem, quando tiver um tempinho, visite o meu blog! http://www.brasileiros-no-exterior.blogspot.com
Tchau!

Flávia disse...

Eu quero a mulher robo ! Mas a minha tem que limpar a casa MUITO MELHOR do que eu, passar roupa idem, arrumar os armarios, senao nao vale a pena.

Beijinho.

Flávia disse...

Carla, Fia,

Que papo eh este de comentarios do blog em alemao ! Falo alemao nao...


Flavia Ha gesagt ?????

Sandra disse...

:-) Morri de rir deste post. Vc é hilária (num ótimo sentido)! Realmente, vc tem razao, a gente idealiza muito quando compra, mas por outro lado a indústria é muito inflexível. Eu por exemplo sou baixinha, gordinha e com pouca cintura. Resultado: se acho calca boa no comprimento, ela me mata na barriga. Se dá na barriga, cabe mais uma Sandra dentro dela no comprimento...

Ciça Donner disse...

Mana por uma dessa eu pago até 2.000.