sábado, 30 de setembro de 2006

Sorte, ou falta dela?


Porque aquela outra palavra a gente nao fala que é pra nao trazer "falta de sorte"!!!
A Gaby chegou da escola irritadíssima porque perdeu a carteira, ou esqueceu na escola, nao sabe bem. Agora há pouco se deu conta de que o estojo também ficou na escola.
-Ai,hoje nao é mesmo o meu dia de sorte, mas eu já sei porque essas coisas estao me acontecendo.
-Porque?
-É essa pinta com pelo em cima, que eu tenho no meu braço, isso é que me dá a***.
Conclusao muito lógica a dela, prestar mais atençao onde coloca as coisas nem pensar.

A propósito, aqui na Alemanha o símbolo da sorte é o cogumelo, quando alguém tem muita sorte,diz-se que ela é um cogumelo da sorte, e quando alguém tem falta de sorte diz que a pessoa é um pássaro azarado.
E quando o sujeito nao bate bem da bola diz-se que a pessoa nao tem todas as xícaras no armário, (essa nao tem nada a ver com sorte mas nao me aguentei). Nao ter todos os parafusos no lugar ou estar com algum parafuso solto,faz muito mais sentido do que nao ter todas as xícaras no armário nao?

Até usa-se o trevo de quatro folhas como símbolo de sorte por aqui, mas é muito mais conhecido o cogumelo, o pássaro acho que seria equivalente ao nosso corvo, nao sei bem o porque desses símbolos, uma hora vou fazer uma pesquisa sobre o assunto.

Um comentário:

Ingrid Littmann disse...

Carlinha,

Um dia vem sol, outro vem chuva.......Tome um banho de cha, reze e um cheiro daqui com votos de sorte. Ela volta, assim é a vida....

beijos