domingo, 23 de julho de 2006

O "x" da questao


Esta semana estava conversando com a Paula, que além de minha amiga é minha colega de trabalho. A empresa nao anda lá essas coisas, e a gente está meio receosa de ser pega de surpresa.
Ficar desempregada é que nao dá. Corre um monte de boatos, ninguém sabe ao certo o que vai ser, de repente nem vai acontecer nada, mas um homem prevenido vale por dois, entao melhor começar a sondar o que rola em outras areas, de repente alguém vai com a minha cara, nunca se sabe.
Odeio enviar curriculuns nessa terra, os alemaes sao cheios de detalhes e manias com os curriculuns, as fotos tem que ser assim,assado, os curriculuns tem que ser enviados numa pastinha nao sei das quantas, e blah,blah,blah!!!
Mas isso nao é tudo!!! Nao tendo "experiencia" anterior no cargo, tem que tentar encher linguiça:
-Eu sou fofa, simpatissíma, pau pra toda obra, do bem, etc e tal.
Mas a Paula teve uma idéia genial:
-Po Carla, porque voce nao manda um curriculum pra Airbus?
-Tá doida? Mas voce acha que eu algum dia iria concorrer pra algum cargo de engenharia ou planejamento?
-Ué e porque nao?
-Óbvio que nao Paula, eu nao sei nem o valor de x!!!!!
-Que valor de x?
-Ué, o valor de x, a gente nao tinha sempre que achar o valor de x, nas atividades de matemática? Entao, eu nunca conseguia achar o valor de x.
-Mas Carla como voce terminou a escola entao?
Tá aí uma boa pergunta, já nao me lembro mais , como é que eu fiz pra ter notas nos testes de Matemática, eu só me lembro de ter verdadeiro horror à X!
E mais horror aos japoneses todos da minha sala que além de X encontravam o valor de Y, também e na maior facilidade.
E eu ali com aquela cara de quem nao tem a menor idéia de onde está X. Quem tinha dificuldade em achar x, que o diga, o quanto aquilo era desesperador.
Posso jogar toda a culpa na minha professora de Matemática da sexta série que foi o primeiro X verdadeiro da minha vida.
Nao, nao acho que eu seja burra, mas exatas literalmente nao é o meu forte.
Eu sempre tinha ótimas notas em outras matérias, biologia, história,portugues e até química.
Mas é diferente, história é história, geografia também as coisas estao lá, concretas,biologia, facílimo. Pior que isso só física. (Meu sogro é físico).
Na verdade admiro muitíssimo pessoas que acham o valor de X e que entendem de física. Dá um ar assim intelectual. Até chique, se bobear.
Bom pra minha sorte, tenho dois filhos craques em achar X, ainda bem que nao puxaram a mamae!!!!

5 comentários:

Ingrid Littmann disse...

Carla, boa sorte no quebra cabeça para encontrar o valor X......e dupla Sorte para encontrar um trabalho que você merece......Beijos

ps. você tá sumida da minha vizinhaça, obrigadão pelo e.mail.

Karla disse...

Nossa, essa coisa de "x", sempre leva agente a loucura, kkkkkkkkk
E quanto ao emprego, tomara que seja apenas o disse me disse que sempre acontece, mas se acaso mesmo acontecer, desejo boa sorte num emprego muitissimo bom...
Beijos!

Leila disse...

Carla, off-topic, mas só porque não sei se você recebeu meu e-mail; a Leila que fez aquela pergunta sobre o seu comentário no meu blog não sou eu! Você pode checar o link e ver que é outra Leila. Entendo e respeito a sua opinião sobre o conflito. :)

bjs

doro disse...

independente do valor de "x", pq não mandar curriculum para várias emprêsas? pq não se colocar em evidência???
vc sabe minha opinião aseu respeito;qualidades abundantes....
bjs.

Carla disse...

Queridas, muito obrigada pelos votos de boa sorte!!!

Doro,elogios de sogra,valem por dois, vou buscar a minha auto-confiança, e tomar uma atitude,pode deixar!!!

Bjos,